13 de jun de 2017

Suécia – Preso um suspeito de bater com caminhão em vários carros em Estocolmo

As barreiras [pequenos postes] derrubadas pelo caminhão. 



The Local SC, 13 de junho de 2017. 



A polícia apreendeu uma pessoa suspeita de bater com um caminhão roubado em um táxi em Estocolmo nessa manhã de terça-feira. 

A batida ocorreu no distrito de Sodermalm, a sul do centro da cidade. 

Houve um acidente de trânsito e o motorista fugiu do local”, disse Sven-Erik Ohlsson, policial de Estocolmo, à agência de notícias TT. 

O pequeno caminhão pegou um táxi por trás, causando pequenas feridas em seu motorista, de acordo com Ohlsson. 


Uma grande operação policial foi feita, com uma grande área sendo isolada. O esquadrão nacional antibomba examinou o veículo, mas não encontrou nada suspeito. 

Houve relatos conflitantes sobre o que aconteceu, mas a polícia disse em uma atualização publicada online que, de acordo com relatórios iniciais, o caminhão foi em direção a um táxi na rua Gotgatan. O motorista continuou dirigindo e depois abandonou o veículo nas proximidades de Bondegatan, obrigando a polícia a fazer uma enorme busca. 

O tabloide Aftonbladet informou que o caminhão bateu em vários carros antes de parar derrubando uma barreira [pequenos postes] no caminho. Segundo testemunhas, o táxi perseguiu o caminhão depois que foi atingido. 

Eu sai da minha porta da frente com o meu filho de oito anos e vi todos esses cordões policiais. Quando o levei à escola, trancaram a saída principal como precaução para que ninguém pudesse entrar”, disse ao The Local uma residente de Sodermalm chamada Jeanette, que não quis dizer o seu sobrenome. 

A polícia tratou o incidente inicialmente como uma batida de transito, mas depois fez uma investigação sobre tentativa de assassinato. “O motivo que não podemos descartar é que tenha sido intencional”, disse um porta-voz. 

Pouco depois, ao meio-dia a polícia confirmou que haviam prendido um indivíduo suspeito de dirigir o caminhão. 

Eles se recusaram a comentar a identidade do suspeito, mas uma fonte policial não identificada disse ao tabloide Expressen que ele tinha um histórico de abuso de substâncias químicas, porém não se sabe se o que o motivou foram razões políticas ou terroristas [islâmicas]

De acordo com o Expressen, o homem, em seus 40 anos, foi condenado à prisão quatro vezes desde a virada do milênio por vários crimes, incluindo agressões, ataques contra agentes antinarcóticos, ameaças e roubos. 



No início do dia, o Aftonbladet informou que o caminhão pertencia a Curre Cederstrom, presidente da loja de segunda mão Tjuvgods. Ele disse ao jornal que deixou o veículo em um parque de estacionamento no sul de Estocolmo ontem à noite e que depois ele havia sido roubado. 

Eu estou chocado. É terrível”, disse Cederstrom ao Aftonbladet

O incidente não foi vinculado ao terrorismo, mas, para muitos estocolmer's, trouxe memórias do ataque terrorista no dia 07 de abril, quando um caminhão passou por cima das pessoas em Drottninggatan, matando cinco. 

O The Local falou com as pessoas perto da área de isolamento policial em Sodermalm. 

É horrível, e assustador, principalmente se ele estiver [na estrada] por ai ainda, por não terem o encontrado. É profundamente perturbador que isso esteja acontecendo de novo. Eu estou um pouco inseguro [a] agora”, disse Linn Eriksson antes que a polícia rastreasse o suspeito. 

A julgar pelas barreiras que ele derrubou e as marcas de deslizamento na estrada, ele devia estar dirigindo a toda velocidade”, disse um homem que não queria dar o nome dele. 

Segundo testemunhas, o motorista estava usando um boné e capa verdes. 

Um policial na cena confirmou ao The Local que eles acreditavam que um boné verde foi encontrado na rua e pertencia ao motorista. O policial colocou dentro de uma pasta de proteção quando começou a chover. “Assim que a chuva começou a evidência ficou contaminada”, explicou. 



Artigos recomendados: 

Nenhum comentário:

Postar um comentário